#MeuCorpo

Dicas para cuidar da saúde íntima da mulher no calor

Verão chegando, calor com tudo e o desejo é um só: todas querem se refrescar. Ficar com o biquíni molhado por muito tempo ou não higienizar a região íntima após contato com a areia pode trazer desconfortos para sua flora vaginal. Você sabia disso?

A flora vaginal contém lactobacilos de Doderlein e eles servem para preservar a acidez ideal da região íntima da mulher, além de deixá-la pronta para se proteger da presença de fungos e bactérias. A vagina é local de muitos anticorpos e células defensoras, que auxiliam esses lactobacilos, na defesa dos perigos em forma de micro-organismos, causadores de infecções. E quando há um desequilíbrio dessa flora vaginal, podemos ficar mais suscetíveis a esses invasores.

Sabemos que os cuidados com a saúde íntima da mulher são contínuos, porém, em determinadas estações a atenção deve ser redobrada, para que você curta seus momentos relax sem qualquer desconforto.

A amantes das altas temperaturas não precisam se preocupar. Com alguns cuidados, é possível curtir a praia ou piscina sem medo de ser feliz. Para proteger sua região íntima, Dermafeme dará algumas dicas simples de como manter a higiene íntima, durante os dias de calor intenso. Vamos conferir?

Dica 1 – Não use roupa de banho molhada por longos períodos

Sem essa de ficar o dia inteiro com mesmo biquíni ou maiô, hein meninas! A umidade e o calor são componentes que causam a proliferação de fungos, como o da candidíase e de bactérias, que causam, por exemplo, a vaginose bacteriana, entre outros. Por isso, o ideal é que a dermamiga, troque a sua roupa de banho e seque a região íntima com uma toalha.

Dica 2 – Livre-se da areia

Por mais que todo mundo ame a praia, ninguém merece ficar com areia na região íntima. A recomendação é tomar banho com água corrente e usar sabonete com pH neutro. Tome muito cuidado e evite ao máximo que os grãos de areia entrem no interior da vagina. Entretanto, se isso ocorrer, lave com bastante água. Lembre-se: nunca lave internamente sua vagina com sabonete!

Aliás, se não puder tomar banhos regulares, o lenço umedecido é uma boa opção. Prefira produtos testados dermatologicamente e ginecologicamente, como os lenços umedecidos Dermafeme.

Dica 3 – Evite a depilação total

Muitas mulheres acham que deixá-los não é higiênico, mas os pelos ajudam a evitar irritações e algumas inflamações. A prática da depilação total não é indicada por ginecologistas. Sendo assim, que tal deixar bem aparadinho ao invés de tirar tudo?

Outra dica importante: é legal dar um tempinho antes de ir à praia ou a piscina no dia em que se depilar. Quando retiramos os pelos, o procedimento pode causar algumas feridinhas. Deixando a praia para o outro dia, você reduz o risco de inflamações.

Dica 4 – Use roupas arejadas

Use e abuse de peças frescas! Sua flora vaginal agradecerá. Uma das maiores vilãs da vagina são as roupas justas e apertadas. Depois de se refrescar no mar, não se esqueça de usar calcinhas de algodão e roupas leves para manter a região íntima arejada.

Por fim, lave suas roupas de banho com bastante água e sabão, para a retirada do sal do mar ou cloro da piscina e sempre as sequem expostas ao sol.  Tecidos sintéticos causam o abafamento da área íntima da mulher, trazendo a já comentada, proliferação de fungos e bactérias. Na hora de dormir, não precisa usar calcinha!

Agora que as dermamigas já estão informadas, sobre os cuidados com a sua flora vaginal em dias de muito calor, é hora de aproveitar o sol, praia e piscina numa boa!

Deixe um Comentário